Tuesday, June 08, 2010

acidente.

você parou no ponto-cego
e meu coração bateu.

3 comments:

Edu said...

Bizarro, coisa de irmão.

Hoje fiz um poema sobre acidente, mais precisamente uma batida!

haha

Mari Magno said...

ai... que dor!

yuribraga.com said...

ei, não podia citar melhor, eu adoro o otto. ele é um desses caras que dá vontade de tentar entender.

gostei de muitas coisas que li por aqui. muito simpáticos esse aqui, o passaporte e o da cadeira elétrica. mas o melhor é o nome do blog. demais.

bom,
diretora de arte, fotógrafa, poetisa,

beijo.