Tuesday, August 30, 2011

tá complicado entender, mas que agosto termine calmo e pouco fácil como vinha sendo todos os outros agostos passados.

que agosto de felicidades extremas e tristezas estranhas acabe.
(que eu continue amando tudo que esteve na minha vida em agosto, mas que de agosto não passe).

2 comments:

A viajante said...

O tal mês do desgosto. Mas até desprazer vale a pena viver, sabe? Sei lá..aprendemos a lidar melhor com as frustrações, e saber que nem sempre ganhamos, ou que podemos ganhar mais, em outros momentos, e que bom, em outros meses... viva...setembro chegou.

Jaya Magalhães said...

Nunca sei falar sobre agosto. Sempre engulo. A poesia, as pessoas, o bom e o ruim. Tenho até receio em depositar a fé em setembro.

A vida não segue um calendário. Não escolhe onde vai pesar e ficar leve, né? Então, que na próxima vez que o mundo rodar, a parte boa possa ser vista pela gente.

Um beijo, moça.